Espectáculos

AGORA, QUE O CARRO DO SOL JÁ PASSOU Teatro da Cidade

Num lugar habitado por figuras mitológicas, chega um dia um rapaz. Este rapaz é Narciso, que, à descoberta do mundo, é surpreendido com a sua própria história, pois neste encontro com o outro, acaba por se encontrar a si próprio.

Será tudo um sonho? Ou será o mundo das metamorfoses a que Narciso veio parar?

O Teatro da Cidade desafia-se pela primeira vez a pensar um espectáculo para público mais novo. Este espectáculo, que parte do imaginário clássico – as Metamorfoses, de Ovídio – é sobretudo uma maneira de pensar as referências universais para os mais pequenos, e de poder recriar as histórias que nos fascinam na literatura clássica, da qual somos herdeiros.

 

Ficha artística

Texto: Guilherme Gomes // Encenação: Nídia Roque // Interpretação: Bernardo Souto, Fernão Biu, Guilherme Gomes, João Reixa e Rita Cabaço // Música: Fernão Biu // Cenário e Figurinos: Teatro da Cidade com o apoio do Serviço Educativo do Museu da Marioneta – e a execução das máscaras pelas turmas do 3º e 4º ano da Escola de Pedro Nunes // Luz: Rui Seabra // Co-Produção do Museu da Marioneta

 

 

Máscaras // trabalho dos alunos da Escola Pedro Nunes